3D.on 3D.on     login

Informações técnicas sobre o nossos filamentos

#materiais
  materiais
Os nossos filamentos de ABS podem ser usados em qualquer impressora FFF 3D com mesa aquecida.
Os nossos filamentos radiopacos XCT possuem atenuação a raios X definida e podem ser usados em qualquer impressora FFF 3D com mesa aquecida.

#ABS
  ABS

#XCT
  XCT radiopaco
  • O material para este filamento foi desenvolvido pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC) em cooperação com a 3D.on. Fruto deste trabalho é, entre outros, a patente de invenção BR 10 2019 013117 9. O filamento é feito de uma composição de ABS e uma carga à base de sulfato de bário (BaSO4). Seu material não possui nenhuma toxicidade (em relação ao ABS, veja, por exemplo, aqui) e não desenvolve mau cheiro durante a impressão. Mesmo assim, uma boa ventilação do lugar de trabalho é indicada.
  • Quando exposto em um exame de tomografia computadorizada ou outros procedimentos similares, o material produz atenuação à radiação com variação entre -370 a 2700 HU (unidade de Hounsfield) à 120 kVp, a depender da forma de impressão e da concentração de carga ("grau de absorpção"). Foi desenvolvido visando principalmente à mimetização da atenuação à radiação de raios X que ocorre em ossos humanos ou animais, podendo também simular outros tecidos de menor atenuação.
    Oferecemos filamentos radiopacos de 1,75 mm de diâmetro em três graus de absorpção diferentes:
    • XCT-A: filamento com capacidade de atenuação entre -370 e 1600 HU de acordo com a variação do infill na impressão. Adequado para simular desde tecidos moles como pulmão até dentina e ossos corticais.
    • XCT-B: filamento com capacidade de atenuação entre -180 e 1950 HU. Adequado para simular dentina e ossos com grande atenuação cortical.
    • XCT-C: filamento com capacidade de atenuação entre -106 e 2700 HU. Adequado para simular dentina, ossos de alta atenuação e esmalte dentário.
  • Ossos naturais não são objetos com atenuação à radiação uniforme. A variação existente entre ossos trabeculares e corticais pode ser simulada por meio da variação de infill da impressão 3D e do filamento XCT utilizado, de forma que uma impressora de dupla extrusão pode fornecer todo o range de tecidos humanos, desde pulmão ao esmalte dentário (o tecido mais radiopaco do corpo humano).
  • A cor dos filamentos XCT possui um tom perto da cor natural de ABS - que, por si, é perto da cor marfim. Por enquanto, os filamentos não são produzidos nem vendidos em outras cores. É assumido que, após a impressão dos objetos, estes podem ser tratados com, por exemplo, acetona e depois são pintados.
Requisitos na impressora são:
  • A temperatura do hot-end da impressora deve ser ajustada entre 210 e 240 oC.
  • Usa-se um bico com diâmetro de 0,2 mm ou mais.
  • A extrusora pode tracionar o filamento diretamente ou através da tecnologia Bowden.
  • É recomendado o uso de impressoras 3D fechadas.
  • Mesa de impressão aquecida para em torno de 100oC.
Adquira filamentos XCT aqui!

#diametros
  diâmetros

#cores
  cores 

#pesos
  pesos

#carreteis
  bobinagem e carretéis

#embalagem
  embalagem

#descontos
  descontos